Bosanski Lonac

Extreme comfort food

Ingredientes

500g de músculo bovino em cubinhos
1 cebola
1/2 nabo
2 batatas médias
1/2 pimentão verde
Um punhado de vagem
1 tomate
1/2 cenoura
1 ou 2 talos de salsão
1 alho poró
Repolho bem fatiado
Tomilho e cebolinha a gosto
Sal, pimenta do reino e páprica doce e quente a gosto
Azeite

Modo de preparo

Tempre a carne com sal, pimenta do reino, azeite e páprica.

Em uma panela de pressão, coloque azeite, sal e pimenta, faça uma camada com a cebola, a cenoura e o salsão, outra com a carne e ligue o fogo.

Enquanto a panela esquenta, continue cobrindo com os vegetais.

Adicione o alho poró, a batata em rodelas, o nabo em rodelas, a vagem picada, o pimentão, o tomate picado e finalize com o repolho, o tomilho e a cebolinha.

Não mexa o cozido.

Cubra com água quente, acerte o tempero, deixe levantar pressão e cozinhe por 20 a 30 minutos.

Sirva em seguida.

Anúncios

Almoço completo – Salmão, batatas e cogumelos!

Para aqueles dias que você está com tempo e afim de cozinhar!

Ingredientes

Salmão assado:

– Uma peça de salmão
– Um talo de alho poró
– Sal
– Azeite
– Pimenta do reino
– Uma batata

Cogumelo ao molho

– Uma bandeja de cogumelos
– Molho de tomate
– Sal
– Azeite
– Alho
– Páprika, ou caldo de legumes

Modo de preparo

Salmão Assado

Pegue a peça de salmão, e depois de lavá-la, faça alguns furos nela para que o tempero penetre. Coloque-a em um refratário com a pele virada para baixo e espalhe sal, azeite e a pimenta do reino.

Pique o alho poró e espalhe-o por cima do salmão até cobrí-lo.

Deixe o peixe descansar por algum tempo para que o tempero penetre na carne.

Pré-aqueça o forno e asse o salmão, retirando o alumínio no final.

Em outra bandeja, coloque a batata, inteira, sem descascar e coberta com papel alumínio dentro do forno.

Cogumelo ao molho

Pique o cogumelo em pedaços grandes, se for um cogumelo maior. Se for cogumelo de parias pode deixar inteiro mesmo.

Pique o alho e frite-o no óleo quente até dourar, em seguida coloque os cogumelos, deixe-os fritando juntos e tempere com o sal e a páprika ou caldo de legumes.

Adicione o molho de tomate e deixe cozinhando no fogo baixo.

Creme de couve-flor à mineira

Em todos os lugares que eu vi pra pesquisar uma receita de creme de couve-flor estava escrito que o prato era sofisticado ou delicado. Eu prefiro algo mais roots! Então lasquei uma couve na sopa e não triturei a couve-flor inteira.

Ficou bom demais.

Ingredientes

– Um couve-flor inteira
– alho poró ou cebola
– sal
– pimenta do reino
– óleo
– caldo de cogumelos ou de legumes
– 3 dentes de alho
– Uma folha de couve
– Queijo
– Creme de leite

Modo de preparo

Pique a couve-flor em ramos. Debulhe ao máximo a parte de cima dela e reserve em uma vasilha separada.

Doure o alho no óleo, misture os temperos, o alho poró ou cebola, deixe murchar um pouco e refogue os ramos da couve-flor. Cozinhe até ela amolecer e bata tudo em um liquidificador.

Misture água à massa e vá cozinhando. Acrescente a couve-flor debulhada e deixe cozinhar até a água evaporar um pouco. Adicione um pouco de queijo ralado para encorpar, meia caixa de creme de leite e misture tudo até ficar homogêneo.

Por último adicione a couve e em seguida desligue o fogo.

Berinjela recheada vegetariana

Eu não sou vegetariano, muito pelo contrário. Mas curiosamente, a maioria dos pratos que eu sei fazer não levam carne. Adoro vegetais, adoro misturá-los e temperá-los.

A berinjela é dos meus preferidos. Adoro a cor, a textura e principalmente o sabor.

Ingredientes

– 2 Berinjelas médias cortadas em duas
– uma badeja de shitake
– 2 caules de alho poró
– alho
– sal
– azeite
– pimenta do reino
– água

Modo de preparo

Cozinhe as berinjelas em água com sal. Enquanto elas estão na água, pique o alho e o alho poró bem fininho. Fatie o shitake. Você pode ou não aproveitar os cabos, fica a seu critério.

Quando as berinjelas estiverem cozidas, retire-as da água e raspe a polpa. Reserva as cascas.

Na panela, doure o alho no azeite, sal e pimenta, refogue o alho poró e o shitake e misture a polpa da berinjela.

Quando estiver pronto (você saberá o momento), recheie as cascas da berinjela e coloque-as para assar em um refratário coberto com papel alumínio.

E pronto!